Azeite de Oliva: O Ouro Líquido

Por: Érico Simões, 30/07/2021

  • Mercado consumidor enorme;

  • Brasil com ótima reputação internacional;

  • Diversidade de preços, sabores e produção.

     O azeite é uma iguaria não só em quesitos culinários como também apresenta diversos benefícios à saúde. Com uma gama enorme de sabores, o azeite desempenha um papel importantíssimo na gastronomia mundial, estando presente em milhares de receitas, sendo elas de caráter gourmet ou até mesmo caseiras. Por ser um produto extremamente abrangente e inclusivo, você pode encontrar facilmente os mais simples e baratos assim como outros mais sofisticados. O mercado internacional de azeite é amplamente oportuno, uma vez que o produto apresenta uma demanda exorbitante. O foco de consumo destaca-se nos domínios europeus, com 53% de toda produção mundial destinada a países da Europa, como a Itália e a Espanha, que consomem cerca de 500.000 toneladas por ano. 

 

     O Brasil destaca-se no comércio internacional de azeite, sendo o segundo maior país importador do mundo, já que produzimos somente 2% do que consumimos do produto. As importações aumentaram 20% entre os anos 2019 e 2020, chegando a 33.843 mil toneladas ao quadrimestre neste período. Porém, o país está também investindo na produção de azeite e, como visto anteriormente, apresenta um imenso potencial quando se trata de mercado consumidor. Mesmo sendo uma área nova para os produtores brasileiros, existem ótimas expectativas, uma vez que o país já conquistou um posto de respeito no mercado internacional, obtendo classificações como “o melhor azeite do mundo” na categoria Blend Suave, no New York Oil Contest.

 

     De acordo com uma análise feita em 2013 pela Olive Oil Times, os mercados emergentes, dentre eles o Brasil, apresentam um crescimento global espetacularmente mais rápido. Mesmo que tenham começado com uma base inferior e mais tarde que os países desenvolvidos, expandiram três vezes mais rápido, registrando uma Taxa Composta de Crescimento Anual (CAGR em inglês) de 13% nos anos anteriores, o que, em 2019, por exemplo, significou uma produção brasileira de 230.000 litros. Em vista aos dados analisados, é fato que o azeite brasileiro está entrando com tudo no mercado internacional e tudo indica que estamos no caminho certo. 

 

     Consequente das notícias abordadas neste texto, é perceptível a importância que o azeite vem conquistando no mercado internacional, e para quem busca um investimento preciso e certeiro é mais do que necessário a participação da Prisma Consultoria Internacional nesta etapa, fornecendo análises detalhadas e seguras de todos os dados necessários ao realizar um estudo de mercado minucioso e completo.

Fontes:

https://bit.ly/2WtGoLy

https://bit.ly/2VnqfGR

https://bit.ly/3j8fznM

https://bit.ly/3BWcCzt

https://bit.ly/3C7R8jl

https://bit.ly/3yeAonP

https://bit.ly/3xkCodi

https://bit.ly/3j7uLl8