Site - imagens dos textos-5.png

Amendoim brasileiro: oportunidade e referência no paladar mundial

     O amendoim, leguminosa nativa da América do Sul, é rico em óleos, proteínas e vitaminas, sendo um dos grãos mais consumidos no mundo atualmente. Desde o século XIX, tal produto tem destaque na produção global: além de ser benéfico para a saúde, podendo prevenir doenças como o câncer e estimulando a perda de peso, o amendoim caiu no gosto dos consumidores e hoje faz parte de receitas tradicionais brasileiras, como o pé-de-moleque e a paçoca, concentrando importantes paralelos produtivos na indústria confeiteira e de óleo vegetal. 

Oportunidade de expansão para produtores brasileiros

     A produção do grão no Brasil, com novas tecnologias no campo e sistemas modernos de fabricação, triplicou nos últimos 15 anos, chegando, em 2017, a 512,9 mil toneladas de amendoim segundo a Companhia Nacional de Abastecimento. Com esses números crescentes, o País tem potencial de alcançar um local entre os maiores produtores do mundo; atualmente, está na 14º posição no ranking de fabricação, sendo o quinto maior exportador da leguminosa. Além disso, como é produzido majoritariamente em áreas de renovação de canavial, tal produto abre espaço para a promoção de uma renda adicional ao produtor e à geração de mais empregos, sendo oportuno para os empresários que buscam lucros alternativos.

     O amendoim brasileiro têm ganhado destaque no exterior: de acordo com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), as exportações atingiram uma alta de 61,7% em 2017, com um faturamento de por volta de 195 milhões de dólares. A exportação do grão, segundo José Antonio de Souza Rossato Júnior, presidente da Cooperativa Agroindustrial (Coplana), é essencial para o crescimento do setor produtivo nacional, sendo uma grande oportunidade para os produtores brasileiros.

Principais países consumidores de amendoim no mundo

     Conforme estudos do Instituto de Economia Agrícola (IEA), os maiores fabricantes do amendoim são a China, a Índia e os Estados Unidos, que também são os principais consumidores do grão. Porém, o mercado europeu também se destaca como importador da leguminosa, principalmente a Rússia e a União Europeia, com um aumento de 96% do comércio com os europeus, o que é equivalente à 136,6 milhões de dólares ao ano segundo a IEA. 

A importância do auxílio de uma consultoria internacional

     Com maiores investimentos na indústria do setor e na promoção do produto, como em equipamentos de ponta e na obtenção de certificações exigidas internacionalmente, o grão nacional aumentou sua qualidade e ganha destaque como referência no paladar mundial. Portanto, com um mercado crescente tanto no âmbito interno quanto externo, o trajeto se mostra vantajoso para os produtores de amendoim brasileiros que queiram expandir seus horizontes. Acompanhada de um planejamento estratégico e um estudo de mercado, trabalho de uma consultoria, a exportação do amendoim trilhará um caminho rico de benefícios para o empresário brasileiro.  

 

Por Beatriz Sgrignelli Henrique em 01/07/2019

 

Fontes:

https://bit.ly/2NqMW8O

https://bit.ly/2JlaDKB

https://bit.ly/2nnq5Zo

https://bit.ly/2JkV0md