ENTRE EM CONTATO

  Rua Monte Alegre, 984 - São Paulo, SP - Brasil

  • LinkedIn
  • Facebook
  • Instagram

A "febre"dos produtos gluten-free

Por Sofia Mendonça 28/10/2017

  • Uma mudança nos hábitos alimentares;

  • O crescimento conspícuo?? do mercado livre de glúten;

  • Os mercados mais promissores do mundo.

     Ao longo dos anos, a preocupação da sociedade em incluir hábitos saudáveis ​​em sua vida diária foram maiores do que nunca, ainda mais com academias de baixo custo e lojas de alimentação saudável aparecendo em cada esquina. Dentro do setor de alimentos, um setor em crescimento é o “gluten-free” que conquistou as prateleiras dos supermercados.

    

     Uma vez consumido principalmente por pessoas com doença celíaca ou outro tipo de intolerância, os produtos sem glúten agora fazem parte do caminho para um estilo de vida mais saudável. Hoje em dia produtos sem glúten são um diferencial para os investidores na indústria de commodities, devido ao seu alto potencial de crescimento. O mercado global sem glúten subiu de US $ 1,7 bilhão em 2011 para US $ 3,5 bilhões em 2016 e deve atingir a marca de US $ 4,7 bilhões em 2020, de acordo com o Euromonitor, um banco de dados de consumidores, crescendo a uma taxa de crescimento anual composto de 7,6%. 

   

     A alimentação sem glúten está mais presente nos chamados “países desenvolvidos”, com um consumo maior concentrado na América do Norte e Europa. No entanto, especialistas dizem que essa é uma tendência a ser seguida pelos países em desenvolvimento. Para aqueles que estão dispostos a iniciar um negócio neste mercado, os especialistas aconselham investir em setores que ainda não foram incluídos na chamada febre sem glúten.          

   

     Segundo as pesquisas, os mercados mais promissores em que a demanda continua crescendo são: Reino Unido, Itália, Estados Unidos, Espanha, Alemanha, Austrália, Brasil, Canadá e Índia.

    Em conclusão, o mercado sem glúten apresenta-se como um setor promissor não só para investir em empresas existentes, mas também para iniciar o seu próprio. O boom do mercado observado mostra que agora é a hora de investir e internacionalizar seus produtos sem glúten. O estilo de vida saudável visado por jovens e idosos é o cenário ideal para o mercado livre de glúten e fazer parte dele é um passo na direção certa.

Fontes

Acessado em 9/10/2018

https://goo.gl/nQZWrj 

https://goo.gl/sbVHQr 

https://goo.gl/qKePQn